No dia 28 de abril de 2017, reviveu-se o século XIX de Eça de Queirós na Escola Básica e Secundária D. Dinis e em Santo Tirso. A meteorologia ajudou muito e a 13.ª edição do Jantar Queirosiano concretizou-se para agrado de todos os intervenientes. Tratou-se de uma iniciativa do Clube de Teatro, fazendo parte do Plano Anual de Atividades da escola.

Neste evento, presidido pela Diretora do Agrupamento de Escolas D. Dinis, Dra. Cláudia Soares, participaram alunos do 11.º ano, que estudam a obra Os Maias, de Eça de Queirós, alguns alunos do 10.º ano, professores, encarregados de educação e diversas entidades convidadas, destacando-se o Presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Dr. Joaquim Couto, a Vice-Presidente, Eng.ª Ana Maria Ferreira, o Presidente da Junta de Freguesia, Jorge Gomes, os Presidentes das Associações de Pais e Encarregados de Educação da Escola Básica e Secundária D. Dinis e da Escola Básica de Arcozelo (Água Longa), assim como dois representantes do Ginásio Clube de Santo Tirso, o Diretor da Escola Agrícola Conde S. Bento, as Diretoras do Colégio de Santa Teresa de Jesus e uma representante da Universidade Sénior de Santo Tirso.

Durante a tarde, realizou-se o tradicional desfile pelas ruas de Santo Tirso, tendo os alunos, acompanhados pelos professores, visitado os cafés e pastelarias que, gentilmente, lhes ofereceram o lanche. Não faltou ainda a caleche para transportar os alunos.

Ao início da noite, o polivalente da escola transformou-se num espaço de requinte que retratava o ambiente do século XIX. Encarregaram-se da decoração a Florista Florys, vários professores, entre eles, Ana Cruz (destacando-se, desta infatigável colaboradora, as caricaturas de Eça dos seus alunos do 11.º C), Pedro Horta, Adelaide Lopes, Dora Freitas e Fátima Fernandes.

A ementa do jantar, mais uma vez, evocou pratos referidos na obra queirosiana.

No palco, o espetáculo consistiu, em primeiro lugar, num desfile de trajes da época, seguido por dramatizações, pelos alunos, de alguns episódios da obra Os Maias, de Eça de Queirós. As alterações introduzidas aos programas das edições anteriores tiveram um impacto positivo no público. Houve criativas exibições de valsa, encenadas por Olga Ilyuk, e outro tipo de danças, cuja coreografia, bem original, coube à equipa de Desportos Gímnicos da professora Cláudia Figueiredo. A equipa do Clube de Teatro, constituída pelas professoras Manuela Oliveira, Isaura Marques, Filomena Mascarenhas, Fátima Fernandes, Teresa Moura e Isabel Pimenta, tratou do guarda-roupa e preparou os alunos para a encenação e dramatização dos diferentes episódios.

Ainda fez parte desta iniciativa a 7.ª edição do Concurso de Montras, integrada no evento Jantar Queirosiano. Participaram doze estabelecimentos comerciais, sob a temática Caricaturas de Eça de Queirós. O júri, constituído pelos professores Paula Pinto, Madalena Moreira, Miguel Santos, Cláudia Soares (Diretora do Agrupamento de Escolas D. Dinis) e por uma aluna de Artes, Ângela de Jesus, da turma 11.º C, selecionou as três montras vencedoras: Tentação Joias, Farmácia Central e Sapataria Kyria, cujos representantes foram premiados com um convite para participarem no jantar.

A comunidade participou, entusiasticamente, nesta iniciativa do Clube de Teatro. Saliente-se o empenho dos alunos, professores (note-se, mais uma vez, a colaboração do professor Vítor Lopes na fotografia, de alguns alunos de Artes, da professora Mónica Nogueira, do professor Pedro Sá na reportagem fílmica e do professor Miguel Santos, assessor da Direção, nos recursos materiais e humanos necessários) e de assistentes operacionais, nomeadamente de Luís Soares, como sonoplasta.

Agradece-se, mais uma vez, a todos os que colaboraram na preparação, divulgação e realização desta 13.ª edição do Jantar Queirosiano.

 

Clube de Teatro da EBSDD